“Gonçalo Tavares não tem o direito de escrever tão bem aos 35 anos: dá vontade de lhe bater!", afirmou, certa vez, o escritor português José Saramago, vencedor do Nobel de Literatura.

Saramago nunca poupou elogios ao poeta e romancista Gonçalo M. Tavares, principal atração da 4ª Festa Literária Internacional de Maringá, que começa nesta quinta-feira (26) e vai até domingo (29) - confira a programação completa. “Vaticinei-lhe o Nobel para daqui a trinta anos, e penso que vou acertar”, disse José Saramago.

O escritor português Gonçalo M. Tavares participa em dois momentos nesta quinta (26) da Flim. De manhã, às 9h, ele fará uma oficina intitulada "Literatura e Imaginação", com duração prevista de duas horas e meia. A oficina está prevista para ser realizada no gabinete do prefeito, dentro da Prefeitura.

Embora a programação sinalize que é preciso fazer uma "inscrição prévia", não há qualquer tipo de direcionamento sobre como e onde essa inscrição deve ser feita. Também não é informado qual será o limite de participantes.

À tarde, a partir das 14h, Gonçalo Tavares participa da mesa-redonda sobre o mesmo tema, "Literatura e Imaginação". Ele será sabatinado pela professora do departamento de Letras da UEM, Luzia Toffalini, especialista em literatura portuguesa, e pelo jornalista maringaense Victor Simião, do clube de leitura Bons Casmurros. Não é necessário fazer a inscrição para participar da mesa-redonda.

Vencedor do Prêmio Portugal Telecom (2007) e do Prêmio José Saramago (2005), Gonçalo M. Tavares publicou mais de 20 livros, entre poemas, contos e romances. Entre seus livros mais conhecidos estão "1" (2004) e "Uma Viagem à Índia" (2010), de poesia, e o romance "Jerusalém" (2004).

GONÇALO M. TAVARES

Oficina 
Quando: quinta-feira (26), às 9h30
Onde: gabinete do prefeito, na Av. XV de Novembro, 701 - Centro

Mesa-redonda
Quando: quinta-feira (26), às 14h 
Onde: auditório Flim, na Praça da Prefeitura (Deputado Renato Celidônio - Centro) 
Quanto: grátis

 

Divulgação
Gonçalo M. Tavares, que participa de oficina e mesa-redonda: nesta quinta