A banda "Bit Beat Bite Bright", de Sorocaba/SP, tem repercussão internacional e mereceu destaque na América do Sul e Europa. Descrita como "Indie, rock, vintage", com uma linha autoral moderna, ganhou espaço entre lançamentos de bandas de renome.

Criada em 2013, a "Bit Beat Bite Bright", formada por Iuri Griga, João Vitor e Bruno Kalach, é uma banda alternativa de Sorocaba/SP, com uma linha de som mais moderna, voltada aos subgêneros garage, alternativo, indie e psicodélico, que conta com uma variedade de estilos e influências, como "Arctic Monkeys", "MGMT", "The Black Keys", "Strokes", "Queens of The Stone Age" e "Jimmy Hendrix".

Segundo Iuri Griga, vocalista da banda, desde a sua criação, a "Bit Beat Bite Bright" realiza turnês pelos principais polos da música independente do interior paulista, além das capitais São Paulo e Minas Gerais, e agrega passagens por importantes festivais, como o FEBRE (2015) e Circadélica (2017), quando dividiu palco com nomes de projeção - "Scalene", "Far From Alaska", "Dead Fish", "Wry", "Travelling Wave", "Boogarins", "Vivendo o Ócio", "Charme Chulo" e "Vespas Mandarinas".

Celebrou seus três anos de estrada no Teatro SESI Sorocaba, com show ao lado da cantora Paula Cavalciuk e das bandas "Yugoslavos", "Camisa Listrada" e "Justine Never Knew the Rules".

Em janeiro de 2018, a "Bit Beat Bite Bright" participou do Projeto "Cio da Terra", do Sesc Sorocaba, quando lançou seu segundo EP "Bridge" (o primeiro EP da banda foi "Black Brown Blue Beige", lançado em 2014), que logo recebeu destaque. "Meet Too Soon", faixa que abre o EP, foi a primeira a ganhar clipe. O vídeo mereceu repercussão internacional tanto na América do Sul (Chile) quanto na Europa. A jornalista Rosana Rocha, de Lisboa (Portugal), descreveu o lançamento como "Indie Rock Vintage, suave e sexy", no site Tracker Magazine. No mesmo site, o cantor Matt Berninger, líder da banda "The National", destacou "Meet Too Soon" na playlist "Temas da Semana", entre lançamentos das bandas "The Killers", "Noel Gallagher", "Mogwai", "The Kooks", "Tori Amos", "The Horrors" e "Queens of the Stone Age".

Sobre a "Beat Bit Bite Bright"

Formada em Sorocaba (SP) por Iuri Griga (guitarra e voz), João Vitor (baixo e "backing vocal") e Bruno Kalach (bateria), o trio é reconhecido por sua linha autoral moderna, com letras atuais que combatem a estagnação musical. As influências vão desde bandas de rock de garagem e psicodélicas a músicas pop e eletrônicas. "Bit Beat Bite Bright" transita pelos subgêneros garage, alternativo, indie e psicodélico, com uma variedade de estilos e influências.

Uma viagem por "Bridge"

O EP "Bridge" foi concebido pelos três integrantes da banda e pelo produtor Ítalo Ribeiro (Paula Cavalciuk e "Wry"), responsável pela pré-produção, gravação, mixagem e pós-produção; gravado e mixado em Sorocaba, nos estúdios Solana Records, JCP e Monoclub, do baterista Lucas Marx. A masterização foi realizada pelo produtor Fabian Tormin, no Estúdio Plättlin Mastering, em Hamburgo (Alemanha). Toda a direção de arte foi assinada por Daniel Kenji, brasileiro radicado em Miami (EUA), designer na CP + B Miami e criador do canal Pink Liquid Gold, no Instagram @pinkliquidgold.

Músicas

"Meet Too Soon" abre o trabalho com um discurso que retrata as aflições e as incoerências para se fazer música autoral com ou sem apoio de audiência. "It Ain’t Hard" flerta com o mundo onírico, bem ciente de que não se vive só de sonhos. De volta ao mundo real, "Losing Touch" traz à tona momentos que parecem mais ser um sinal do destino... Ou seria apenas imaginação? "City Boy" avisa que o sucesso é só mais um sonho a ser vendido, e "Bright Side" encerra com um convite para um olhar sobre si mesmo, em um mundo onde todos fazem aquilo que é considerado correto pela maioria.

Sites e Redes Sociais:
bitbeatbitebright.com
Facebook: /bitbeatbitebright
Instagram: @bitbeatbitebright
// Download: bitbeatbitebright.com
// YouTube: bit.ly/bbbbyoutube
// Spotify: bit.ly/bbbbspotfiy
// Deezer: bit.ly/bbbbdeezer
// Apple Music: bit.ly/bbbbitunes

Na mídia
06/08/2017
Link para matéria em Lisboa, Revista Tracker:
http://tracker-magazine.com/o-indie-rock-vintage-suave-e-sexy-de-meet-too-soon-dos-bit-beat-bite-bright/

06/08/2017
Matéria e clipe:
tracker-magazine.com/o-indie-rock-vintage-suave-e-sexy-de-meet-too-soon-dos-bit-beat-bite-bright/

15/08/2017
Matérias no Chile:
http://rockaxis.com/rock/videos/bit-beat-bite-bright/meet-too-soon

18/08/2017
Escute a playlist:
tracker-magazine.com/temas-da-semana-playlist-06-12-de-agosto-2017/

27/02/2018
Lançamento do EP "Bridge" com show no Sesc Sorocaba.
Confira a "City Boy", com participações especiais de Natalie Mess e Ananda Jacques (vocais) e Ítalo Ribeiro (teclado e guitarra):
https://www.youtube.com/watch?v=DxTM44BHuzI

Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail [email protected] ou pelos telefones (15) 98113-4762 - Iuri Griga,
(15) 99772-3812 - Bruno Kalach ou (19) 98298-8960 - Andréa Ismerim



Website: http://bitbeatbitebright.com