Quem viveu os benditos anos oitenta pôde testemunhar, ao vivo, algumas das melhores performances do rock brasileiro. Barão Vermelho, Titãs, Paralamas do Sucesso, Legião Urbana e RPM - para ficar só entre cinco grandes nomes - testavam versos e distorções e ofereciam essas experiências sonoras nos palcos das capitais - eventualmente, também pelo interior do País -, enquanto redigiam seus nomes nas páginas da história do rock.

Praticamente todas as bandas marcantes daqueles dias de glória continuam em turnês - para deleite dos saudosistas -, ainda que com algumas mudanças na formação original. É o caso da Blitz, que desembarca no Teatro Marista (3/3), de Londrina, com ingressos entre R$ 90 (meia ou 1 kg de alimento nos setores F e D) e R$ 200 (inteira dos setores A e C).

Irreverente e bem-humorada, a banda liderada pelo cantor e ator Evandro Mesquita é formada ainda por mais dois remanescentes da formação original, o tecladista William "Billy" Forghieri e o baterista Juba. A baixista Cláudia Niemeyer, o guitarrista Rogério Meanda e as cantoras Andréa Coutinho e Nicole Cyrne completam a Blitz.

Além de hits próprios, como "Você Não Soube me Amar" e "A Dois Passos do Paraíso", a Blitz costuma incorporar ao repertório uma série de versões de sucessos alheios, como "Óculos", dos Paralamas do Sucesso, e "Bete Balanço", do Barão Vermelho.

Músicas do 6º álbum da banda, "Aventuras II", lançado em 2016, também devem ser retomadas pelos cariocas.

BLITZ
Quando 3/3 (sábado), às 21h
Onde Teatro Marista de Londrina, rua Cristiano Machado, 240 - Campo Belo
Quanto de R$ 90 (meia-entrada ou com 1 kg de alimento nos setores F e D) e R$ 200 (inteira dos setores A e C), à venda no site do Aloingressos.com.br

Divulgação
Blitz, que toca em Londrina: ingressos a partir de R$ 90

 

VEJA TAMBÉM